terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Roteiro: Uma tarde em Bruges (Bélgica)

Bruxelas, capital da Bélgica, é uma cidade interessante de se visitar, com seu clima de metrópole, artes em quadrinhos em toda a parte e locais históricos convivendo ao mesmo tempo. Porém a visita aos pontos turísticos pode ser rápida e o visitante deve ter mais tempo livre que o previsto. Bruges é uma ótima alternativa para conhecer mais sobre este país. Além de ser uma viagem curta de trem desde Bruxelas (e até de Paris), é excelente de ir de bate-volta e para passar uma tarde agradável por lá.



Chegando na Brugge Station, atravesse a grande rodovia (com semáforos e faixas de pedestre, claro) e se depare com um muro infinito e muito alto. O que para gente poderia ser uma propriedade privada, na verdade já é Bruges. Esta visão me remeteu diretamente aos estudos de História na escola, quando líamos sobre os feudos. Bruges é a cidade medieval mais bem preservada de todas, então é como fazer uma impressionante viagem ao passado.

Anote os pontos turísticos e não perca este passeio!

Minnewaterpark




O primeiro impacto, assim quando se entra em Bruges, é de um lugar cheio de verde (se não for no inverno) e canais rodeando o lugar, com barcos cheios de turistas indo e vindo. Este é o belíssimo Parque Minnewatterpark.


Begijnhof



Um lugar mais isolado de Bruges, mas também na entrada, Begijnhof é um conjunto de casas brancas onde antes era um conjunto de casas de beatas do século XIII. Hoje funciona como monastério.


Igreja de Nossa Senhora

Foto: Wolfgang Staudt e Elke Wetzig



A imponente igreja, também conhecida como Onthaalkerk, chama atenção pela beleza e grandiosidade. Também é lá onde fica a famosa "A Madona de Bruges", estátua do Michelangelo.


Rozenhoedkaai

Foto: PMRMaeyaert



A vista da Rua Rozenhoedkaai é provavelmente o lugar mais fotografado de Bruges. Dessa rua temos a famosa vista que se vê em cartão postal. De lá saem os barcos de passeio para turistas.


Basílica do Sangue Sagrado

Foto: Jim Linwood



A famosa basílica onde é considerada a morada do manto com sangue de Jesus. A relíquia é exibida antes ou depois nas missa de sexta-feira.


Belfort



O Belfort é o lugar mais famoso de Bruges, o símbolo da cidade. O prédio é um campanário com 366 degraus que oferece uma vista linda da cidade lá de cima. Na foto da direita, o carrilhão de 47 sinos do campanário.


Praças Markt e Burg



A praça Markt fica bem no coração da cidade, é onde fica o Belfort e o mercado central da cidade. Já na Burg, fica a prefeitura (Stadhuis) e a Basílica do Sangue Sagrado. A arquitetura das duas praças é simplesmente incrível!

Aproveite e pare para tomar um chocolate quente, comer um waffle, beber a cerveja belga, enfim... complemente seu passeio experimentando as delícias da Bélgica em Bruges.


Posts relacionados

Um comentário:

  1. Não chame o manto com o sangue de Jesus Cristo de "ornamento", trata-se de uma relíquia. E não escreva "missa" em minúsculo, pois é o único culto perfeito a Nosso Senhor, por isso é "Santa Missa". Ao mais, muito bom!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...