quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Como tirar visto de turismo para o Japão

Foto: Rafael Helfstein






Está planejando uma viagem ao Japão? Então não se esqueça de tirar o visto japonês!
Mas não se assuste, o processo de solicitação de visto de turismo é muito mais fácil e menos burocrático que o visto americano, por exemplo. Por isso mesmo não é necessário contratar agência pra fazer isso, mas caso você resida em uma cidade que não tenha um consulado ou embaixada japonesa por perto, é válido contratar uma agência para não precisar ir pessoalmente fazer a solicitação.

Apesar do processo de pedido de visto de turismo ser super fácil e rápido, o consulado é exigente quanto aos requisitos. Por isso, leve tudo que eles pedem, do jeito que eles pedem.
Se estiver faltando algo, tiver algo fora do padrão ou acharem que você não comprovou que tem condições para dar entrada, eles simplesmente não aceitam seus documentos e pedem para retornar com os documentos corretos ou comprovantes adicionais. Eu mesma levei tudo bonitinho, mas como sou autônoma, pediram mais documentos para comprovar que eu não tinha apenas bens, mas também rendimentos mensais. Voltei outro dia levando o que pediram e deu tudo certo! 

Mas vamos ao passo a passo:

1. Planeje, compre e reserve sua viagem
Antes de solicitar o visto é importante saber que, depois que o visto é emitido, você tem 3 meses para entrar no Japão. Então não adianta tirar com muita antecedência. Além disso, você precisa já ter tudo comprado e reservado antes de tirar o visto, como: passagem aérea emitida, roteiro decidido, reservas de hospedagem feitas e documentos todos em mãos. A duração do visto depende de quanto tempo você vai ficar no Japão. Eu recebi o visto de de 30 dias (mas ficarei 20). De qualquer forma, o limite de visto de turismo é de 90 dias. Lembrando que cada visto comum é válido para somente 1 entrada, então se você pretende sair e entrar novamente no Japão na mesma viagem, você deve tirar o visto de múltiplas entradas.


2. Separe os documentos
Apresente todos os documentos da lista abaixo em formato A4, sem impressão no verso. Também preencha o formulário de forma legível, de preferência em letra de forma.

  • Passaporte com data de expiração maior que 3 meses (original)
  • Formulário de solicitação de visto (assinado como no passaporte). Baixe aqui.
    - Menores de 18 anos: assinatura do responsável + cópia do RG do responsável
  • 1 foto 4,5 x 4,5 ou 3 x 4 nítida e recente 
  • Carteira de Identidade RG ou RNE (cópia simples) 
  • Passagem de ida e volta ou print de reserva de todos os trechos 
  • Cronograma de viagem. Baixe aqui
  • Comprovante de renda: Imposto de Renda Pessoa Física (todas as páginas, inclusive o recibo de entrega) e extratos bancários dos 3 últimos meses (conta corrente, poupança, investimentos)
    - Dependente de pais, filhos ou cônjuge: comprovante de renda do financiador da viagem e documento que comprove a relação familiar (cópia simples) 

DICAS:
Formulário: em nomes e endereços de onde pretende ficar, escreva só o primeiro hotel. 
Cronograma: coloque as datas, cidades, endereços completos e telefone de onde você vai ficar durante a sua viagem. Ex.: 01/01/18 | Tokyo | Hotel X, Endereço, Tel: 0000-0000


3. Solicite o visto
Com todos os documentos necessários em mãos, compareça no consulado de segunda, quarta ou sexta-feira, das 9h às 12h. Não é necessário agendamento para isso, o atendimento é feito por ordem de chegada. Você deve ir pessoalmente fazer a solicitação e a retirada, mas também são permitidos que parentes de primeiro grau (pais, irmãos, cônjuges) com documento que comprove o parentesco, façam isso por você.


4. Retirada do visto e pagamento
O visto geralmente fica pronto em 2 dias úteis. A retirada é feita de segunda a sexta-feira, das 14h às 16h, no mesmo lugar. Na hora de retirar você deve pagar a taxa em dinheiro, que hoje é de R$ 97 (para saber o valor atualizado da taxa, clique aqui). Se a sua viagem inclui Okinawa no roteiro, você fica isento do pagamento da taxa consular se apresentar documento que comprove (passagem aérea ou reserva de hotel). 

DICA (para o consulado de São Paulo): 
Se chegar antes do horário, tanto pra solicitar quanto pra retirar o visto, avise na recepção que eles darão uma senha para atendimento por ordem de chegada, para fazer seu cadastro de entrada no prédio. De qualquer forma, eles começam a liberar a entrada pontualmente às 9h ou 14h, mas pelo menos sua espera será menor.


Tudo certo? Está com o visto na mão? Agora é só fazer a mala e boa viagem! 
Gokigen yo sayonara!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...